PINKTIP LITERA: A METAMORFOSE

A metamorfose é um conto do escritor checo Franz Kafka. Essa produção é considerada uma das mais importantes do realismo mágico do século XX e mundialmente difundida. O livro conta a história de Gregor, um jovem trabalhador, que mesmo não gostando de seu ofício o cumpria para prover sua família. Por este motivo era bem quisto pelos membros de seu lar e pela sociedade na qual estava inserido.

Ao acordar como um inseto, Gregor quebra sua rotina e acaba se atrasando, o que não era de costume acontecer. Sua família tenta despertá-lo batendo em sua porta, mas não adianta, uma vez que o inseto não conseguia comunicar-se com seres humanos. Seu patrão percebe sua ausência e vai até sua residência. Lá presencia a cena do pai de Gregor arrombando a porta de seu quarto e dando de cara com o animal no qual o jovem havia se transformado.

O chefe, por medo e repulsa, deixa a casa aos berros e os familiares do jovem metamorfoseado prendem-no em seu quarto para evitar que mais pessoas se deparem com aquele inseto. A partir deste momento o rapaz precisa lidar com sua consciência humana presa em um corpo desprezado, gerando angústia e solidão. O jovem, que antes era considerado respeitável, passa a ser motivo de vergonha para sua família. Seu status familiar é rebaixado. Já não era mais um homem, agora se resumia a um animal inumano.

Com A metamorfose podemos pensar nas aulas de sociologia sobre as relações entre a juventude e instituições como família, mercado e justiça. Durante o período de juventude garotos e garotas se deparam com vários dilemas e, algumas vezes, no processo de resolução, esses jovens enfrentam exclusão e repressão. Questões relacionadas à identidades de gênero, emprego ou até conflitos com a lei são postas para esta faixa etária e o transformar-se em uma figura não aceita, tal qual o protagonista do livro, passa a ser um problema sociocultural e psicossocial para estes indivíduos.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>